>Otimização de mecanismos de pesquisa (SEO)

>

SEO
SEO é o acrônimo em inglês de “otimização do mecanismo de pesquisa” ou “otimizador do mecanismo de pesquisa”. A contratação de um SEO é uma decisão importante que pode aperfeiçoar seu site e poupar tempo, mas você também corre o risco de prejudicar seu site e sua reputação. Pesquise as vantagens potenciais, bem como os danos que um SEO irresponsável pode causar ao seu site. Muitos SEOs e outros consultores e agências oferecem serviços úteis para proprietários de sites, incluindo:
  • Análise do conteúdo ou da estrutura do seu site
  • Consultoria técnica sobre desenvolvimento de sites: por exemplo, hospedagem, redirecionamentos, páginas de erro, uso do JavaScript
  • Desenvolvimento de conteúdo
  • Gerenciamento de campanhas de desenvolvimento de negócios on-line
  • Pesquisa de palavras-chave
  • Treinamento de SEO
  • Experiência em regiões e mercados específicos.
A página de resultados do Google inclui resultados de pesquisa orgânicos e, frequentemente, publicidade paga (indicada pelo título “Links patrocinados”) também. Anunciar no Google não terá qualquer efeito na presença do seu site em nossos resultados de pesquisa. O Google nunca aceita dinheiro para incluir ou classificar sites nos resultados de pesquisa; não há custos para aparecer em nossos resultados de pesquisa orgânicos. Recursos gratuitos, como as Ferramentas do Google para webmasters, o blog oficial do Google para webmasters e nosso fórum de discussão, podem oferecer excelentes informações sobre como otimizar o seu site para pesquisa orgânica. Muitas dessas fontes gratuitas, além de informações sobre pesquisa paga, podem ser encontradas na Central do webmaster do Google.
Antes de iniciar sua pesquisa por um SEO, é recomendável tornar-se um consumidor informado e se familiarizar com o modo como os mecanismos de pesquisa funcionam. Recomendamos iniciar aqui:
Se você estiver pensando em contratar um SEO, quanto antes melhor. Um bom momento para a contratação é quando você estiver pensando em mudar o design do site ou planejando lançar um novo site. Dessa maneira, você e o seu SEO podem garantir que o seu site seja criado para ser conveniente para mecanismos de pesquisa do início ao fim. Porém, um bom SEO também pode ajudar a melhorar um site existente.
Algumas perguntas úteis a serem feitas a um SEO incluem
  • Você pode me mostrar exemplos de trabalhos anteriores e compartilhar algumas histórias de sucesso?
  • Você segue as Diretrizes do Google para webmasters?
  • Você oferece algum serviço ou orientação de marketing para complementar o seu negócio de pesquisa orgânico?
  • Que tipo de resultados você espera ver e em que período de tempo? Como você mede seu sucesso?
  • Qual é a sua experiência no meu setor?
  • Qual é a sua experiência no meu país ou em minha cidade?
  • Qual é a sua experiência no desenvolvimento de sites internacionais?
  • Quais são suas técnicas mais importantes de SEO?
  • Há quanto tempo você está no mercado?
  • Como me comunicarei com você? Você me informará sobre todas as alterações feitas no meu site e fornecerá informações detalhadas sobre suas recomendações e a lógica por trás delas?
Embora os SEOs possam oferecer serviços valiosos aos clientes, alguns SEOs com comportamentos antiéticos são vistos com maus olhos no setor por suas práticas de marketing exageradamente agressivas e suas tentativas de manipular de forma inadequada os resultados dos mecanismos de pesquisa. Práticas que violam nossas diretrizes podem resultar em um ajuste negativo da presença do seu site no Google ou até mesmo na remoção do site do nosso índice. Veja alguns aspectos a serem considerados:
  • Tenha cuidado com firmas de SEO e consultores ou agências na web que enviam e-mails inesperados. Pode parecer incrível, mas nós também recebemos este tipo de spam:

    “Prezado google.com.br,
    Visitamos o seu site e constatamos que você não aparece na maioria dos principais diretórios e mecanismos de pesquisa…”

    Se você receber e-mails não solicitados sobre mecanismos de pesquisa, mantenha o mesmo ceticismo que teria em relação a pílulas dietéticas que “queimam a gordura enquanto você dorme” ou solicitações para ajudar a transferir o dinheiro de ditadores depostos.

  • Ninguém pode garantir a classificação em primeiro lugar no Google. Cuidado com os SEOs que dizem garantir a sua classificação ou ter um “relacionamento privilegiado” com o Google ou que anunciam um “envio prioritário” para o Google. Não existe envio prioritário para o Google. Na verdade, a única forma de enviar um site diretamente ao Google é através da nossa página Adicionar URLou enviando um Sitemap, e você pode fazer isso por conta própria sem custo algum.
  • Tome cuidado se uma empresa tiver muitos segredos ou não explicar claramente o que pretende. Se algo não estiver claro, peça explicações. Se um SEO criar um conteúdo fraudulento ou enganoso em seu nome, como páginas de entrada ou domínios “descartáveis”, o seu site poderá ser removido do índice do Google. Em última análise, você é responsável pelas ações das empresas que contratar. Por isso, é melhor verificar exatamente como pretendem “ajudar” você. Se um SEO possui acesso ao FTP do seu servidor, ele deve explicar todas as alterações que estão sendo feitas no seu site.
  • Você nunca deve precisar ter um link para um SEO.Evite SEOs que falam do poder dos links “gratuitos e para todos”, de esquemas de popularidade de links ou que enviam o seu site para milhares de mecanismos de pesquisa. Normalmente, essas ações são inúteis e não afetam a sua classificação nos resultados dos principais mecanismos de pesquisa; ao menos, não de uma forma que você consideraria positiva.
  • Escolha com cuidado. Em caso de dúvida em relação a um determinado SEO, pesquise o mercado. Evidentemente, você pode fazer isso no Google. Você também pode consultar algumas informações que saíram na imprensa, inclusive este artigo em inglês sobre um SEO especialmente agressivo: http://seattletimes.nwsource.com/html/businesstechnology/2002002970_nwbizbriefs12.html. Embora o Google não comente sobre empresas específicas, encontramos firmas que se autodenominam SEOs, as quais adotam práticas que obviamente ultrapassam o comportamento comercialmente aceitável. Tome cuidado.
  • Tente entender para onde o dinheiro está indo.O Google nunca vende as melhores classificações nos seus resultados de pesquisa, mas existem vários mecanismos de pesquisa que combinam os resultados de pesquisa normais com resultados pagos por clique ou por inclusão. Alguns SEOs prometem que você ocupará as primeiras posições nos mecanismos de pesquisa, mas na verdade aparecerá na seção de anúncios, e não nos resultados de pesquisa. Alguns SEOs chegam até a alterar o valor dos lances em tempo real para criar a ilusão de que “controlam” outros mecanismos de pesquisa e que podem escolher onde querem aparecer. Esse golpe não funciona com o Google, pois os nossos anúncios são identificados de forma clara e ficam separados dos nossos resultados de pesquisa. Mas pergunte ao seu SEO em potencial quais taxas se destinam à inclusão permanente e quais se destinam a anúncios temporários.
  • Quais são os abusos mais comuns que o proprietário de um site pode encontrar?
  • Um golpe comum é a criação de domínios “de fachada”, que encaminham os usuários para um site por meio de redirecionamentos fraudulentos. Os domínios de fachada normalmente pertencem a um SEO que alega estar trabalhando em nome de um cliente. No entanto, se o relacionamento não vingar, o SEO poderá apontar o domínio para outro site ou até mesmo para o domínio de um concorrente. Se isso acontecer, o cliente pagou para criar um site concorrente que pertence ao SEO. Outra prática ilícita é colocar páginas “de entrada” carregadas de palavras-chave em algum lugar do site do cliente. O SEO promete que isso tornará a página mais relevante para um maior número de consultas. Essa afirmação é inerentemente falsa, já que uma única página é raramente relevante para várias palavras-chave. Pior ainda é que essas páginas de entrada frequentemente contêm links ocultos que levam também a outros clientes do SEO. Tais páginas de entrada sugam a popularidade dos links do site e encaminham para o SEO e seus outros clientes, que podem ter sites com conteúdo ilegal ou ofensivo.

  • Que outras coisas eu devo verificar?
  • Alguns sinais de alerta podem indicar que você está lidando com um SEO desonesto. Esta não é uma lista completa, por isso, em caso de dúvida, siga o seu instinto. E, principalmente, não pense duas vezes em desistir se o seu SEO:

    • tiver domínios de fachada
    • colocar links para outros clientes nas páginas de entrada
    • oferecer a venda de palavras-chave na barra de endereços
    • não distinguir entre verdadeiros resultados de pesquisa e anúncios exibidos nos resultados de pesquisa
    • garantir a classificação, mas somente para frases de palavras-chave longas e obscuras, que você obteria de qualquer forma
    • utilizar diversos aliases ou informações WHOIS falsas
    • obtiver tráfego a partir de “falsos” mecanismos de pesquisa, spyware ou scumware
    • tiver tido domínios excluídos do índice do Google ou se ele mesmo não estiver listado no Google

    Se você achar que foi enganado por um SEO, convém denunciar o fato. Nos Estados Unidos, a FTC (Comissão Federal de Comércio) cuida das reclamações relacionadas a práticas comerciais enganosas ou ilegais. Para registrar uma reclamação, acesse: http://www.ftc.gov/ e clique em “File a Complaint Online” (Registrar uma reclamação on-line), ligue para 1-877-FTC-HELP ou escreva para:

    Federal Trade Commission CRC-240 Washington, D.C. 20580

    Se a sua reclamação for contra uma empresa em outro país, registre-a em http://www.econsumer.gov/. Fonte:http://www.google.com/support/webmasters/bin/answer.py?hl=pt-br&answer=35291

>[SEO] o que é ?

>

seo

O significado de SEO é Search Engine Optimization. Em português ele é conhecido como Otimização de Sites, MOB e Otimização para Buscas. O SEO nada mais é do que a otimização de uma página (ou até do site inteiro) para ser melhor compreendido pelas ferramentas de busca. A conseqüência da utilização das técnicas de SEO é o melhor posicionamento de um site em uma página de resultados de uma busca. Por exemplo, ao pesquisar no Google por “Marketing de Busca”, o primeiro resultado é este site. O SEO é uma prática sem garantias, ou seja, nenhuma empresa ou pessoa pode garantir que seu site fique em primeiro em uma busca, pois o único capaz disto seria o próprio site de busca como o Google ou o Yahoo.

O SEO surgiu com a nova geração de sites de busca. Antes dela, a organização do links em uma páginas de resultado era alfabética como nos diretórios web. Na nova geração de ferramentas de busca, o posicionamento passou a depender da relevância. Esta relevância é definida por algoritmos, que são cálculos que servem para definir o quanto uma página é importante. Um dos mais conhecidos algoritmos de busca é o Google PageRank.

Os fatores que influenciam o posicionamento das páginas são guardado a sete chaves pelos site de busca. Porém, ao longo do tempo, foi possível identificar as melhores práticas que se resumem em empregar o bom senso na criação e estruturação de um site. O SEO também depende da palavra-chave que é o termo que você usa em um busca. Dependendo de quais palavras você utiliza, serão retornadas páginas diferentes em posições diferentes.

O SEO pode ser dividido em duas partes. Fatores internos e fatores externos. Os internos são relacionados ao site. Alguns exemplos são urls claras, utilização dos padrões web, títulos de página racionais e a correta utilização das tags html que é linguagem utilizada para construir páginas web. Já a parte externa analisa como os outros sites se relacionam com o site. Os exemplos são quantidade de links apontando para o site, quais sites apontam o site e o conteúdo do link apontado. Dependendo destes fatores, as páginas são pontuadas pelos sites de busca para que ele possa determinar a relevância da pagina e quais as palavras-chave relacionadas a ela. O Google utiliza um sistema de pontuação de 0 a 10 que é o PageRank.

xiste também o lado negro do SEO conhecido como Black Hat Seo. Nele, são utilizadas técnicas que tentam enganar os algoritmos das ferramentas de busca para melhorar o posicionamento da página como uso de texto invisível ou de exibir conteúdo diferente para pessoas e sites de busca. Quando descobertos, os sites de busca podem punir os sites que utilizam estas práticas diminuindo a importância do site ou chegando a excluí-lo da sua busca.

Não se deve confundir o SEO com links patrocinados, pois no segundo você pode pagar para ter a garantia de ficar na frente de outros resultados, podendo ficar até em primeiro se estiver disposto a pagar o preço.

link: http://www.marketingdebusca.com.br/seo/

>[SEO] Enviar convites para milhares de pessoas no Facebook

>

SEO  – Rede Sociais

Neste post vou dar uma dica como enviar convites para milhares de pessoas no Facebook
O próprio Facebook dispõe dessa ferramenta assim facilita um possível divulgação com seguinte

LINK:http://www.facebook.com/invite.php
Onde no mesmo você pode incluir á lista de emails e uma mensagens sem links se preferir inserir links
que seja da seguinte forma WWW .INURL .COM .BR com suas caracteres separadas, assim o envio não e considerado como SPAM, os emails devem ser colocados separados por virgula seja na horizontal ou vertical.
Ex: googleinurl.br@google.com.br, googleinurl.us@google.com.br, googleinurl.uk@google.com.br
ou
googleinurl.br@google.com.br,
googleinurl.us@google.com.br,
googleinurl.uk@google.com.br,

Poucas pessoas dispõem de lista de emails para enviar seus convites logo abaixo segui uma string que ajuda a suas pesquisas:
STRING: +@ +mail.com +br ext:txt

Depois das listas encontradas surge um problema como extrair as lista pois algumas vem misturadas com outros dados como nome CEP etc..,  abaixo segui um link que faz todo esse trabalho por nós

LINK: http://www.googlebig.com/sections/Email-Extractor/

Exemplo de achado: http://www.nda-night.com.br/mala-direta/mala2006-06062006.txt
Nele segui a uma grande variedade de emails como inserir  a virgula depois do email?
da seguinte forma abra um bloco de notas copie todo emails se o PC for lento copie em partes.
com os emails de seu interesse copiados aperte o atalho CTRL + H com ele podemos substituir caracteres em massa, como Yahoo.com.br por Yahoo.com.br, depois hotmail.com por hotmail.com,
Todos emails que você verificar na lista faça o mesmo pro terá sua lista de envio prota.

Veja como funciona:




[SEO] Enviar convites para milhares de pessoas no Facebook




>[SEO] Mini curso Black hat

>

Black Hat SEO/

Curso SEO

Uma simples pergunta: você está pedindo ao Google para ter seu site penalizado? Tenho certeza de que está pensando: “Bem, é óbvio que não!” Todos os dias, acompanhamos pessoas reclamando em fóruns sobre SEO a respeito de seus sites terem sido banidos pelo Google. Essas pessoas dizem não ter feito nada de errado assim como não possuem a mínima noção do motivo do Google ter agido dessa forma com seus sites. O propósito dessa aula é ensinar a você uma coisa muito importante: O que NÃO fazer quando estiver otimizando os fatores onpage e offpage em seu site.

Como saber se seu site foi banido?

Primeiro, vamos mostrar a você se seu site foi realmente banido do Google. Muitas vezes, as pessoas acham que foram banidas, mas na verdade seus sites simplesmente despencaram no ranking e não são mais encontrados facilmente no resultado de uma busca. Essa perda de ranking pode ser gerada por uma punição dada pelo Google ou pela não manutenção de SEO em seu site. A otimização de sites para mecanismos de busca é um processo contínuo, não adianta fazer uma vez e parar daqui a dois meses. Para saber se seu site foi banido, acesse o Google e digite o prefixo site: seguido da URL completa do seu site na caixa de pesquisa. Por exemplo, digite site:http://www.exemplo-nome-dominio.com.br e clique em “Pesquisar”. Procurando um domínio no Google Figura 1: Procurando um domínio no Google Perceba que o Google diz não ter informações a respeito desta URL. Isto significa que ela não está presente em suas bases de dados. Há duas explicações para esse fato ocorrer: ou é um site recém-criado e que ainda não foi indexado pelos robôs de busca (neste caso, essa mensagem aparecerá até o site ser indexado) ou é um site que foi banido pelo Google. Agora, já sabemos como identificar se nosso site foi banido ou não.

O que pode levar seu site a ser banido?

Existem diversos fatores de otimização onpage bem como fatores offpage que podem levar o Google a penalizar seu site com perda de posições no ranking ou até mesmo retirá-lo de seus índices. Iremos abordar nessa aula alguns desses fatores que podem ser causas dessas punições. Antes de começar, você deve ficar ciente de que existem muitos sites que estão impunes mesmo realizando estas práticas. Elas não ajudam no ranking do seu site e são uma completa perda de tempo. Nunca as utilize! Mais cedo ou mais tarde o Google irá encontrá-las e o seu site receberá uma punição. Não vale a pena correr o risco com coisas que não lhe ajudam muito a melhorar o posicionamento do seu site. O conjunto dessas técnicas maliciosas e não éticas é chamado de “Black Hat SEO” e, fazendo uma comparação direta, seria o mesmo que o Spam é para o E-mail Marketing. A seguir, vamos explicar com mais detalhes algumas dessas técnicas de Black Hat SEO. Textos Hidden Textos hidden (escondidos) são textos que os visitantes não conseguem ver ao entrar em um site. Alguns webmasters fazem isto com a intenção de adicionar palavras-chave no decorrer da página sem deixar tal conteúdo visível a quem visita o site, já que esteticamente ficaria feio. Porém, estes textos, mesmo estando escondidos dos visitantes, são lidos pelos robôs de busca. Por exemplo, vamos supor que seu site tenha um fundo branco. Caso você desejasse esconder algum tipo de texto, poderia simplesmente fazer a cor do seu texto ser igual à cor do fundo da sua página: branco. Dessa forma, os visitantes não perceberiam a existência do texto adicionado. Vamos a um exemplo real: http://www2.uol.com.br/guiamaua/hoteis/55.htm Este é o 1º site do resultado da pesquisa realizada no Google para as a seguintes palavras: “pousadas em visconde de maua”. Site Black Hat no Google Figura 2: Site Black Hat no Google Visitando o site, não percebemos onde está o texto escondido. Site Black Hat Figura 3: Site Black Hat – O texto está escondido Porém, basta apertar as teclas “ctrl + a” do seu teclado para que a farsa apareça. Esse comando irá selecionar todo o texto da página e, até mesmo, textos hidden. Site Black Hat - texto hidden revelado Figura 4: Site Black Hat – Texto hidden revelado Esse texto hidden contém algumas das palavras-chave para as quais o site está bem posicionado no ranking do Google. Porém, este não é o principal motivo deste site possuir a 1ª colocação no ranking. Caso viessem a retirar esses textos escondidos, certamente continuariam com a mesma posição, além de acabar com a possibilidade de ser penalizado ou banido pelo Google. Alt Image Tag Stuffing Essa é uma outra maneira que as pessoas tentam usar para inserir palavras-chave em seus sites, visando a leitura dos robôs de busca, porém sem deixar que os visitantes percebam qualquer diferença. A seguir, temos um exemplo de um site que gostaria de possuir um bom ranking para os termos “cabbage soup diet”. O que eles fizeram foi inserir uma figura de um repolho (cabbage, em inglês). Quando um visitante entra no site e passa o mouse sobre a figura, aparece um pequeno popup. Exemplo de Alt Image Tag Stuffing Figura 5: Exemplo de Alt Image Tag Stuffing Repare quantas vezes ele repetiu as palavras “cabbage soup” e “cabbage”. Não há outra explicação para isto, a não ser querer inserir o maior número de palavras repetidas possíveis em sua página. O propósito real do atributo de uma tag de imagem é mostrar o texto presente neste atributo caso um usuário entre no site e a imagem não seja carregada. Este artifício é usado para auxiliar pessoas que possuem problemas de visão. Alt tag Spam é uma coisa da qual você deve manter distância. O uso do atributo em tags de imagem é aconselhável, sendo até recomendado, e um exemplo adequado de texto para o atributo neste caso seria: cabbage soup diet graphic. Meta Tag Stuffing Neste tópico falamos de pessoas que enchem de palavras-chave, e às vezes até palavras repetidas, as meta tags description e keywords. Por exemplo, o uso da tag abaixo se refere a um site que deseja obter um bom ranking para as palavras-chave “livro de anatomia”: Isto é realmente ridículo. O Google não faz uso de meta tags para construir seu ranking de sites. Além disso, este site será penalizado. Fique longe dessa técnica também. Title Tag Stuffing Abaixo, temos um exemplo de Title Tag Stuffing: Exemplo de Title Tag Stuffing Figura 6: Exemplo de Title Tag Stuffing Não faça isto. Você não deve repetir palavras-chave no título de seu site. Deve-se incluir as palavras-chave escolhidas apenas uma vez. Qualquer quantidade a mais irá diminuir o peso atribuído a cada uma delas e, no caso de spam, como no exemplo acima, o site certamente será penalizado. Doorway Uma “doorway page” é uma página criada especificamente para conseguir um bom posicionamento nos mecanismos de busca. Porém, sua principal função é levar o visitante a outras páginas. Geralmente não possuem conteúdo algum destinado ao internauta, são extremamente otimizadas para determinadas palavras-chave e possuem links para outras páginas. Em alguns casos, há inclusive redirecionamento automático para outros sites através de JavaScript ou meta refresh. O Google e os demais mecanismos de busca condenam o uso desta técnica, já que o visitante não é levado para onde ele realmente clicou e desejava ir, ou seja, ele esta sendo enganado! Cloaking Só pra lembrar, os robôs de busca atualizam suas bases de dados e formulam seus rankings visitando cada site presente em seus índices, bem como cada link presente em cada site visitado e assim por diante. Cloaking consiste em apresentar um conteúdo para o robô de busca e outro completamente diferente para o visitante. A página apresentada ao robô não apresenta nenhum conteúdo útil. Ela é construída em função da leitura do crawler (robô de busca) a fim de se conseguir uma boa posição no ranking. Geralmente é inflacionada com palavras-chave e não possui uma leitura seqüencial lógica para um ser humano. Isso fere algumas das diretrizes do Google, que preza conteúdo de qualidade e feito para o visitante. Portanto, não utilize essa artimanha também. Essas são apenas algumas coisas que as pessoas continuam a fazer. São técnicas que eventualmente acabam em banimento e que não o ajudarão a se posicionar bem nas pesquisas. Realmente não vale a pena desperdiçar seu tempo em algo que não traz resultados e que pode ainda acarretar em prejuízos a seu site. Resumindo, fique sempre longe dessas técnicas chamadas de Black Hat SEO. Há muita gente trabalhando para que os crawlers não sejam enganados. Mais cedo ou mais tarde você será descoberto e seu site será penalizado. Definitivamente, não vale a pena!

Links “maus” podem prejudicar meu site?

Com relação à obtenção de links, não participe de link farms e mantenha distância de sites suspeitos ou que utilizem deliberadamente técnicas de Black Hat SEO. Se o Google detectar links de sites maliciosos apontando para a sua página, seu site pode ser penalizado. Porém, existem vários fatores que o Google utiliza para analisar a situação antes de efetuar uma punição desse tipo. Senão, imagina quantas pessoas iriam simplesmente adicionar sites concorrentes em link farms ou então inserir links em páginas maliciosas apontando para as páginas de seus concorrentes? Sem dúvida, haveria muitos casos de sabotagem. Para evitar que sites sejam punidos injustamente, o Google considera fatores como o tamanho e a idade do site, sua autoridade, verifica se os links provenientes de sites black hat e link farms são otimizados ou se são somente links aleatórios. Mesmo assim, seu site ainda pode ser punido injustamente por uma ação eficiente de sabotagem da concorrência. Caso isso ocorra, trate de identificar quais são os sites maliciosos que apontam para a sua página, acesse imediatamente as Ferramentas para Webmasters do Google e faça um pedido de reconsideração. Afirme que você não se interessa e nem apóia os links provenientes dos sites black hat identificados e peça para eles simplesmente desconsiderarem tais links, eliminando qualquer crédito ou descrédito que eles possam estar passando para a sua página. Assim, o Google deverá remover a punição. Outra maneira de ter seu site penalizado pelo Google é conter em suas páginas alguma referência (link) para sites “maus”, como:

  • Links Farms
  • Sites penalizados pelo Google

Você deve estar achando que é fácil manter seu site fora desses casos, certo? Errado! Tome este caso como exemplo: suponha que nós temos um site e trocamos links com o seu site. Até o presente momento, tudo certo. Somos dois sites de boa qualidade, com conteúdos relacionados e com Page Rank 4. É uma troca de links perfeita. Passados alguns meses, começamos a fazer uso de algumas técnicas de Black Hat SEO. Percorrido mais algum tempo, o Google descobre nossas técnicas maliciosas e decide banir nosso site. Portanto, não estamos mais presentes nos índices de sites do Google e, consequentemente, nos resultados de suas pesquisas. Até agora, nenhum problema com relação ao seu site, certo? Errado! Veja só, você ainda continua apontando para nosso site, o qual agora, é considerado “mau” por utilizar técnicas não éticas para enganar os algoritmos do Google. E, por causa disso, seu site também será severamente penalizado. E isso tudo mesmo sem você ter mudado uma linha de código do seu site! Para e pense nisso por alguns instantes… Seu site pode perder centenas de posições no ranking sem mesmo você saber o motivo! Portanto, é muito importante manter o controle dos links presentes no seu site. De tempos em tempos, sempre verifique os sites para os quais está apontando para saber se eles foram de alguma forma penalizados pelo Google ou até mesmo banidos. 


>[Hacking] Busca de Arquivos TXT em serves do governo com Motor de busca Google

>

Busca de Arquivos TXT em serves do governo com Motor de busca Google
Vamos brincar um pouco de detetive, com a simples string abaixo teremos acesso  a uma grande quantidade de informações de sites governamentais como lista de email,Nome completo, Cargo, telefone e algums assuntos.
String: site:.gov.br +mail ext:txt
EX01: site:.gov.br = O google só pesquisa em domínios do governo Brasileiro.
EX02:+mail = Força o buscado a incluir o nome mail em sua pesquisa.EX03:ext:txt = O google efetua sua pesquisa só em arquivos de final .txt .

OBS: Alternância de linguagem ou de formado de arquivo melhora sua busca.
Exemplo de achado.

De fato o acesso á este diretório esta bloqueiado mais com um simples

O acesso é liberado  link: http://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache%3Aportal.mec.gov.br%2Fseesp%2Farquivos%2Ftxt%2F&ie=utf-8&oe=utf-8&aq=t&rls=org.mozilla:pt-BR;%20googleinurl:official&client=firefox-a

Para curiosos é um ótimo passa tempo!
Conteúdo para estudos.

>[SEO] Search Labs – O Maior Evento de SEO do Brasil

>O Search Labs promete ser o maior evento de SEO já realizado aqui no Brasil. Ele conta com a presença de grandes nomes do mercado nacional e internacional na área.
O evento será realizado no dia 28/29 de julho de 2010 no hotel Renaissance em São Paulo. Serão 3 salas simultâneas e quase 40 sessões durante os 2 dias de evento.

Search Labs - Maior Evento de SEO no Brasil

Teremos a presença de Vanessa Fox, a idealizadora do Google Webmaster Central, e atualmente trabalhando na Nine by Blue, uma das pessoas mais influentes no mercado internacional de Search, e que constantemente colabora com a comunidade postando excelentes e detalhados artigos sobre acontecimentos novos na área. Tive a oportunidade de assistir palestras dela fora do Brasil, e realmente foi muito interessante os pontos de vista por ela abordado.
Teremos Todd Malicoat, que na minha humilde opinião é um dos caras com maior conhecimento de SEO que já ouvi falar. Já presenciei duas palestras dele fora do Brasil, e o cara arrebentou, talvez as melhores apresentações de SEO que já assisti. É bom ficar atento sem piscar para poder tomar nota das dicas que o cara mostra. É a palestra que mais quero assistir no evento.
Teremos Pedro Dias e Ariel, os caras responsáveis pela qualidade da busca do Google aqui no Brasil combatendo os temíveis vilões black haters. Aposto que ambas palestras serão muito interessantes e ajudarão a toda a comunidade a seguir o caminho correto para ter resultados positivos no Google. Fora a oportunidade de bater um papo com eles, realmente um grande ponto positivo para o evento.
Teremos também outros excelentes nomes do mercado internacional como Greg Sterling, Sara Holoubek, Melanie Mitchell, Gillian Muessig (A SEOMOM, mãe do Rand Fishkin e presidente do SEOMoz) entre vários outros, e do mercado nacional teremos outras grandes apresentações de Fábio Ricotta, Flávio Raimundo, Tiago Doc Luz, Guanabara, Guga Alves, Alexandre Kavinski, Leonardo Naressi, Willie Taminato, Ruy Carneiro, Alex Pelati, Paulo Rodrigo Teixeira, entre outros diversos nomes importantes do mercado.
Eu estarei por lá também falando de Link Building, e estou organizando uma apresentação para deixar todo mundo satisfeito, tomem nota, vou dar dicas interessantes por lá. ;)
É um evento obrigatório para todos da área de Search, seguindo moldes de grandes eventos internacionais como Pubcon e realmente é um prato cheio de informação.
Não deixe de comparecer ao evento, e aproveite para o networking e oportunidades conversando com os palestrantes e participantes do Search Labs.
Para ter 20% de desconto utilize o seguinte código promocional na compra do ingresso:
sl2010brasilseo

Fonte:http://www.brasilseo.com.br/  – Site muito bom recomendo

[SEO] Search Labs – O Maior Evento de SEO do Brasil

O Search Labs promete ser o maior evento de SEO já realizado aqui no Brasil. Ele conta com a presença de grandes nomes do mercado nacional e internacional na área.
O evento será realizado no dia 28/29 de julho de 2010 no hotel Renaissance em São Paulo. Serão 3 salas simultâneas e quase 40 sessões durante os 2 dias de evento.

Search Labs - Maior Evento de SEO no Brasil

Teremos a presença de Vanessa Fox, a idealizadora do Google Webmaster Central, e atualmente trabalhando na Nine by Blue, uma das pessoas mais influentes no mercado internacional de Search, e que constantemente colabora com a comunidade postando excelentes e detalhados artigos sobre acontecimentos novos na área. Tive a oportunidade de assistir palestras dela fora do Brasil, e realmente foi muito interessante os pontos de vista por ela abordado.
Teremos Todd Malicoat, que na minha humilde opinião é um dos caras com maior conhecimento de SEO que já ouvi falar. Já presenciei duas palestras dele fora do Brasil, e o cara arrebentou, talvez as melhores apresentações de SEO que já assisti. É bom ficar atento sem piscar para poder tomar nota das dicas que o cara mostra. É a palestra que mais quero assistir no evento.
Teremos Pedro Dias e Ariel, os caras responsáveis pela qualidade da busca do Google aqui no Brasil combatendo os temíveis vilões black haters. Aposto que ambas palestras serão muito interessantes e ajudarão a toda a comunidade a seguir o caminho correto para ter resultados positivos no Google. Fora a oportunidade de bater um papo com eles, realmente um grande ponto positivo para o evento.
Teremos também outros excelentes nomes do mercado internacional como Greg Sterling, Sara Holoubek, Melanie Mitchell, Gillian Muessig (A SEOMOM, mãe do Rand Fishkin e presidente do SEOMoz) entre vários outros, e do mercado nacional teremos outras grandes apresentações de Fábio Ricotta, Flávio Raimundo, Tiago Doc Luz, Guanabara, Guga Alves, Alexandre Kavinski, Leonardo Naressi, Willie Taminato, Ruy Carneiro, Alex Pelati, Paulo Rodrigo Teixeira, entre outros diversos nomes importantes do mercado.
Eu estarei por lá também falando de Link Building, e estou organizando uma apresentação para deixar todo mundo satisfeito, tomem nota, vou dar dicas interessantes por lá. ;)
É um evento obrigatório para todos da área de Search, seguindo moldes de grandes eventos internacionais como Pubcon e realmente é um prato cheio de informação.
Não deixe de comparecer ao evento, e aproveite para o networking e oportunidades conversando com os palestrantes e participantes do Search Labs.
Para ter 20% de desconto utilize o seguinte código promocional na compra do ingresso:
sl2010brasilseo

Fonte:http://www.brasilseo.com.br/  – Site muito bom recomendo